A Bicicleta Laranja

Nova,
Linda.
Último modelo
Desejada a tempos
Mal esperava para usar
Saiu de casa
Montado na ansiedade
Aquela sensação de liberdade
Equilíbrio, controle
Como ter asa
Isso, voar!
Ser feliz bastava
Pedalar, era tudo.
Encheu o peito
Pôs os pés a girar

Ah! O vento no rosto…
Era pouco
Queria mais!
Pedalou
O vento mais forte
Pedalou…
A velocidade!
Pedalou…
Rápido e mais rápido!

Viver!
Estar longe de tudo
No limite!
Pedalou mais…
No paraíso!
Mais rápido…
Emoção
Um sonho!
Fechou os olhos…

Caiu!

.

Anúncios

Sobre henrique

Quando nada existia... quando tudo era impossível... Em meio ao imenso vácuo deixado pelo mar de coisas... Quando já absorto de fartas esperanças... ... eis me aqui!
Esse post foi publicado em Poesias e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s